Em reunião do G20, ministro afirma que economia brasileira está bem

De acordo com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, a economia brasileira vai bem. A declaração foi feita nesta sexta-feira (7), durante a entrevista em Hamburgo, na Alemanha, onde se reúne a Cúpula do G20. Ele afirma que o mercado tem se mantido relativamente estável e o trabalho relacionado aos ajustes do cronograma para a aprovação das reformas continuam em andamento junto aos parlamentares. A perspectiva também foi apresentada mais cedo pelo presidente Michel Temer, segundo o qual não existe crise econômica no país.

Quando questionado sobre a resposta que daria aos colegas ministros caso perguntassem sobre a crise política, Meirelles disse que as instituições do país estão funcionando conforme a Constituição. Ele acredita que a denúncia contra Temer não deve ser aceita pela Câmara dos Deputados e ressalta que o mais importante para os outros ministros é o fato de a economia brasileira se mostrar forte e resiliente.

De fato, a análise do Informe Conjuntural do segundo trimestre de 2017, divulgada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), mostra que o Brasil começa a apresentar sinais de recuperação econômica após dois anos consecutivos de recessão. Segundo a pesquisa, a indústria extrativista deve liderar esse crescimento no setor, com uma taxa de 8%, enquanto a de transformação terá uma taxa de 0,9%. O setor de serviços industriais, como as distribuidoras de energia, deve crescer 1,9%. A indústria de construção, entretanto, apresentará uma queda de 2,3%.

Diante deste cenário, a estimativa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) reduziu de 0,5% para 0,3%, enquanto o PIB industrial baixou de 1,3% para 0,5%.

Foto e informações: Agência Brasil

Comentários

Melhore sua saúde financeira e tenha uma vida melhor